Polícia prende gerente de fazenda acusado de humilhar caminhoneiro em plantação de milho de Cabeceiras (GO)

@dinomarmiranda597

Gerente de fazenda humilha caminhoneiro e diz que “goianada” só sabe furtar

♬ som original – dinomar miranda

Cerca de 15 policiais civis de Goiás, em Cabeceiras (GO), nordeste do estado, deflagraram, nesta terça-feira (17), uma operação para prender o gerente da fazenda Bianco, além de cumprir mandado de busca e apreensão.

O gerente foi o autor de um vídeo humilhando um caminhoneiro, flagrado apanhando espigas de milho de uma plantação da fazenda Bianco, na GO-346, Km 14.

A operação, chamada de Honor, ocorreu pela manhã.

Após análise do vídeo e de diligências, a Polícia Civil constatou que o homem, ao abordar o motorista, portava, possivelmente, uma arma de fogo tipo pistola e, momentos antes da abordagem, teria feito disparo para intimidar o trabalhador.

Considera-se que o gerente cometeu, ao menos, os crimes de racismo, de porte de arma de fogo e disparo de arma de fogo.

O delegado de Cabeceiras (GO) pediu ao Poder Judiciário mandado de busca e apreensão, que foi autorizado pelo juiz da comarca.

Durante as buscas, foram localizadas na fazenda seis armas de fogo: uma pistola 9mm, um revolver calibre 32 e quatro espingardas. Imediatamente foi lavrado um auto de prisão em flagrante.

Ainda de acordo com a PC, as investigações prosseguem e, ao final, em se confirmando os crimes, o investigado poderá ser indiciado pelos três delitos.

Relembre o caso

Este Blog publico, com exclusividade, que Um caminhoneiro, que passava por uma das rodovias que cortam o município de Cabeceiras (GO), no nordeste do estado, resolveu parar no acostamento e apanhar algumas espigas de milho da plantação da fazenda Bianco, uma das maiores produtoras agro de Goiás.

Mas o caminhoneiro foi flagrado no furto pelo gerente da fazenda, que naquele instante trafegava por ali, numa picape S10, branca.

O gerente desceu do veículo, começou a filmar a cena com o seu telefone celular e se aproximou do homem.

Bastava chamar a polícia, se quisesse repreender e punir o rapaz, que transportava combustível. Se bem que a área onde as espigas foram retiradas pertence ao Denit. A fazenda usou terras públicas para plantar na beira da estrada.

Mas foi muito além e sua atitude se transformou num grande problema, que mexeu, não apenas com a honra e o brio, humilhando o trabalhador, mas com toda a comunidade do estado de Goiás. Sua fala tem repercutido fortemente.

O gerente da fazenda, que mora em Formosa (GO), postou a gravação nas redes socais, que por óbvio viralizou.

Leia mais

WhatsApp Image 2022-06-20 at 08.21.57
Mãe é um ser inexplicável. Obrigado por sua existência (2)
Mae-e-um-ser-inexplicavel.-Obrigado-por-sua-existencia-3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.