Após denúncias do Sindsaúde, Justiça do Trabalho manda fiscalizar unidades de saúde de Campos Belos (GO)

A Justiça do Trabalho solicitou que a Superintendência de Vigilância em Saúde (SES/GO) realizasse uma ação fiscal nas unidades de saúde de Campos Belos (GO). 


A inspeção está prevista para ocorrer no período de 01 a 04 de setembro de 2020.

Ação é resultado de denúncias levadas ao Ministério Público do Trabalho (MPT) pelo Sindsaúde-GO sobre falta de equipamentos de proteção individual para os profissionais da saúde o que tem levado a uma escalada de trabalhadores contaminados. 


O Sindicato foi convocado para acompanhar a fiscalização.

Preocupado com a situação e sem respostas concretas por parte da gestão municipal, o Sindsaúde recorreu ao Ministério Público do Trabalho. O MPT instaurou a Ação Civil Pública que ainda está em andamento.

O Ministério Público do Trabalho solicitou ao Município a relação de insumos básicos e EPIs existentes nas unidade de saúde; relação de materiais de maior necessidade, com cotação de preço unitário e indicação do fornecedor; laudos de exames dos trabalhadores da UPA; e comprovação documental das medidas adotadas pela Secretaria de Saúde de Campos Belos para o enfrentamento da crise causada pelo novo coronavírus.

O MPT ainda solicitou expedição de Ordem Judicial para que o CEREST inspecione os hospitais e as unidades de saúde vinculados à secretaria de Saúde e emita Relatório sobre as condições de trabalho dos profissionais de saúde e terceirizados das unidades. 


Para cada solicitação descumprida, o Ministério Público pediu multa de R$ 10 mil devendo arcar com a penalidade o secretário de Saúde e o prefeito.
WhatsApp Image 2022-06-20 at 08.21.57
WhatsApp Image 2022-07-02 at 09.04.26 (2)
WhatsApp Image 2022-08-02 at 14.46.41
WhatsApp Image 2022-08-09 at 08.16.01
WhatsApp Image 2022-08-09 at 08.16.56
WhatsApp Image 2022-08-09 at 08.18.10

2 comentários sobre “Após denúncias do Sindsaúde, Justiça do Trabalho manda fiscalizar unidades de saúde de Campos Belos (GO)

  1. HOJE O VEREADOR DE ESTIMAÇÃO DO PREFEITO QUE DEVERIA ESTÁ
    USANDO TORNOZELEIRA E NÃO A COLEIRA DO PREFEITO, ARMOU O MAIOR REBU EM REDE SOCIAL ACUSANDO UMA VEREADORA DE TENTAR FECHAR O HOSPITAL,SE ELA FEZ A DENUNCIA, FEZ MUITO BEM É FUNÇÃO DA VEREADORA ZELAR PELA COISA PÚBLICA PRINCIPALMENTE A SAÚDE PÚBLICA. SE O HOSPITAL ESTA PONDO EM RISCO A SAÚDE DOS PROFISSIONAIS E DA POPULAÇÃO TEM SIM QUE SER FISCALIZADO PELO MINISTÉRIO PUBLICO DO TRABALHO, APLICAR PENALIDADES LEGAIS SEJA MULTA OU ATÉ MESMO INTERDIÇÃO
    A VIDA NÃO É PARA SER POLITIZADA É UM DIRETO DIVINO
    QUEM DENUNCIOU TEM MEU RESPEITO E ADMIRAÇÃO.

    ATT EDIJALDO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.